Angosat-2: Serviço operacional dentro de um mês

O AngoSat-2 chega à posição de trabalho e segue para a fase final de testes. O satélite angolano de telecomunicações Angosat-2 entrou esta sexta-feira em pleno contacto com estações de controlo angolanas e russas, embora tenham sido efectuados testes para garantir o seu comissionamento.

AngoSat-2
Angosat-2 em orbita

De acordo com o comunicado do Ministério das Comunicações, Tecnologias de Informação e Comunicações Sociais, o “Angosat-2” opera desde hoje, 4 de novembro, na sua posição ideal a 23 graus de longitude leste.

Após a conclusão da segunda fase de testes do Angosat-2, poderemos oferecer serviços de telecomunicações a preços competitivos em todo o país. O Angosat-2 com uma vida útil de 15 anos também cobre várias partes do mundo. Ou seja, abrange todo o continente africano com destaque para as regiões meridionais, assim como a maior parte do sul da Europa e se posiciona como uma fonte alternativa.

Receitas do tesouro do estado de Angola na construção do Angosat-2

No comunicado, as direcções especificam que a nova fase é um conjunto de etapas de construção e operação previstas no protocolo entre as partes russa e angolana. Você pode acompanhar a localização dos satélites de Angola em tempo real clicando AQUI.

Possuir um satélite traz grandes benefícios para o país. Por exemplo, Angola gasta entre US$ 15 milhões e US$ 30 milhões por mês alugando largura de banda para empresas estrangeiras de satélites. O valor gasto durante o ano equivale ao preço de um satélite de comunicações.

A construção do Angosat-2 decorre ao abrigo de protocolos adicionais entre Angola e a Federação Russa ao abrigo do contrato de produção do Angosat-1, iniciado em Dezembro de 2017, mas posteriormente surgiram problemas de comunicação com o centro de controlo terrestre.

Toda a carga útil do Angosat 2, fornecendo a funcionalidade do satélite, foi fabricada e instalada nas instalações da AIRBUS na França.

Veja também:Chip Neuralink será implantado no cérebro humano

Veja também: Diferenças entre o iPhone 13Mini, 13Pro e 13Max

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.